Sudoeste 2008

Mais uma vez me desloquei à Herdade da Casa Branca, S. Teotónio, Zambujeira do Mar, para quase uma semana de música, amizade, companheirismo, praia, álcool, leves substâncias ilegais e pó… muito pó (terra mesmo… não do branco!)

A chegada foi na 3ª, um dia antes do arranque oficial e já o SW’08 estava composto. Foi dia de adaptação e repouso. Os restantes dias foram feitos, na melhor das companhias, os amigos de longa data e os recém-conhecidos, praia, megafones entoando os “Cães de Louça”, desgarradas, a electrizante música dos Chemical Brothers, do David Fonseca, o velho mas sempre bom rock dos Xutos, uma duvidosa e humilhante actuação no stand da SIC Radical, e tantos mais momentos que nos fazem pensar que estar perto dos 30 anos apenas é perceptível no Bilhete de Identidade.

A viagem de hoje foi marcada pela falta de sono dos passados dias, à chegada um lanche muito diferente das habituais latas de atum e salsichas, a lavagem do carro oficial dos Cães de Louça deixando transparecer o o original cinza coberto pelo já conhecido “tom Sudoeste” acastanhado. Um banho de imersão ao som do iTunes em modo shuffle e a partilha convosco destes momentos através deste blog.

A seguir faço questão de uma refeição acompanhada de um copo de bom vinho tinto, um pouco de TV para me inteirar do estado do mundo e descanso, já com saudades e a pensar na edição 2009!

UPDATE: O vinho foi um Alicante Bouschet 2004 da Casa Ermelinda Freitas, que é uma “pomada do caraças”!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Please copy the string Qtha2g to the field below: