CDU Arrentela vota CONTRA colocação de lombas de velocidade em frente à Escola EB 2+3 de Pinhal de Frades

Na Av. 25 de Abril, em Pinhal de Frades, dia e noite muitos automobilistas agem como se estivessem numa auto-estrada sem o mínino respeito pelos restantes utilizadores da via.

Se durante o dia existe a Escola EB 2+3 de Pinhal de Frades onde centenas de crianças estão em risco de serem atropeladas, à noite arriscar-se a atravessar esta estrada é um potencial risco de morte.

No passado dia 28 de Setembro, na Assembleia de Freguesia de Arrentela, na qual infelizmente não pude estar presente por motivos familiares, foi apresentada uma moção para a colocação de lombas neste local.

Aqui fica a nota de imprensa libertada pelo Partido Socialista de Arrentela:

CDU vota contra lombas de corte de velocidade em frente a escolas.

A Assembleia de Freguesia de Arrentela, reunida a 28 de Setembro de 2011, rejeitou, com os votos contra da CDU, duas moções levadas a votação pelos eleitos do Partido Socialista e que pediam lombas de corte de velocidade em frente a escolas da freguesia.

Justificaram o seu voto contra, alegando elevados custos e pelo facto de danificarem os amortecedores dos carros (!).

Os eleitos do Partido Socialista consideram que as lombas podem evitar acidentes e que só danificam amortecedores, se os automobilistas não abrandarem a marcha. As lombas funcionam claramente como elemento dissuasor da velocidade excessiva.

A CDU lidera o Executivo e detém maioria parlamentar.

O Grupo Parlamentar do Partido Socialista

Parece-me óbvio que esta posição é claramente política, e apenas serve para mostrar quem manda na freguesia, e que qualquer proposta vinda da oposição, válida ou não, será sistematicamente negada.

Eu não tenho qualquer afiliação política com o PS ou outro qualquer partido, mas na CDU não voltam a apanhar o meu voto. Têm sido várias as situações que me deixam muito descontente com o poder local neste concelho.

E você vai continuar a votar na CDU?? Eu tenho VERGONHA de em tempos o ter feito.

Faça-se ouvir para [email protected] e [email protected]

Junte-se à conversa

5 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Please copy the string GQJzYz to the field below: